Vegetarianismo: O Que Disseram Grandes Homens (*)

– “Quanto mais o homem simplifica a sua alimentação e se afasta do regime carnívoro, mais sábia é a sua mente.” (George Bernard Shaw)

– “Sou um fervoroso seguidor do regime vegetariano. Mais que nada por razões morais e estéticas. Creio que uma ordem de vida vegetariana, por seus efeitos físicos, influenciará sobre o temperamento dos homens de uma maneira tal, que melhorará em muito o destino da humanidade.” (Albert Einstein)

– “Tempo virá em que os seres humanos se contentarão com uma alimentação vegetariana e julgarão a matança de um animal inocente como hoje se julga o assassínio de um homem.” (Leonardo Da Vinci)

– “Se o homem aspira sinceramente a viver uma vida real, sua primeira decisão deve ser abster-se de comer carnes e não matar nenhum animal para comer.” (Leon Tolstoi)

– “A carne é o alimento de certos animais. Todavia, nem todos, pois os cavalos., os bois e os elefantes se alimentam de ervas. Só os que tem índole bravia e feroz, os tigres e os leões etc. podem saciar-se em sangue. Que horror é engordar um corpo com outro corpo, viver da morte dos seres vivos.” (Pitágoras)

– “Pudésseis viver do perfume da terra e, como uma planta, nutrir-vos de luz.” (Gibran Khalil Gibran)

– “Feliz seria a terra se todos os seres estivessem unidos pelos laços da benevolência e só se alimentassem de alimentos sem derrame de sangue. Os dourados grãos, os reluzentes frutos e as saborosas ervas que nascem para todos, bastariam para alimentar e dar fartura ao mundo.” (Gautama Buda)

– “Se quisermos nos libertar do sofrimento, não devemos viver do sofrimento e do assassínio infligidos a outros animais.” (Paul Carton)

– “Quando um homem mata um tigre chamam a isso esporte; quando um tigre mata um homem, chamam a isso ferocidade.” (George Bernard Shaw)

– “O homem implora a misericórdia de Deus mas não tem piedade dos animais, para os quais ele é um deus. Os animais que sacrificais já vos deram do doce tributo de seu leite, a maciez de sua lã, e depositaram confiança nas mãos criminosas que os degolam. Ninguém purifica seu espírito com sangue. Na inocente cabeça do animal, não é possível colocar o peso de um fio de cabelo das maldades e erros pelos quais cada um terá de responder.” (Gautama Buda)

– “O comer carne é a sobrevivência da maior brutalidade; a mudança para o vegetarianismo é a primeira mudança natural da iluminação.” (Leon Tolstoi)

– “Que luta pela existência, ou que terrível loucura vos levou a sujar vossas mãos com sangue – vós, repito, que sois nutridos por todas as benesses e confortos da vida? Por que vós ultrajais a face da boa terra, como se ela não fosse capaz de vos nutrir e satisfazer?” (Plutarco)

– “Cada açougueiro, com suas vitimas sangrentas do matadouro é, para mim, ao mesmo tempo, um horror e um motivo de condenação. Eu estou convencido que com a cessação deste canibalismo a humanidade alcançaria uma cultura mais nobre, resolveria muitos dos problemas sociais com maior segurança e mais facilmente, e também com certeza se livraria da praga da guerra.” (J.V. Widman)

NOTA:

(*) Essa coletânea, acima, de pequenas citações de grandes homens se encontra ao final do texto Vegetarianismo: Chave para a Saúde e Felicidade, de  Arnaldo Sisson Fiho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *