Nesse site tratamos de um tema da maior importância para o bem estar da humanidade, que é o fato da Fraternidade Universal  ser uma Lei da Natureza, e ser a única fundação segura para uma ética universal verdadeira e, por via de consequência, das grandes instituições sociais, justas e competentes, capazes de fazer frente aos grandes desafios com os quais se depara a família humana em nossos dias.

A Fraternidade Universal é quase sempre vista e entendida como sendo uma virtude, semelhante, senão igual, ao puro altruísmo, ou amor universal. Raramente a Fraternidade Universal é vista como uma Lei da Natureza. Contudo, a Fraternidade Universal só se torna de decisiva importância para o bem estar da humanidade quando é compreendida e vista como uma Lei da Natureza.

Quando assim compreendida ela é um dos conhecimentos mais necessários de serem vivenciados e difundidos, como podemos ler na citação abaixo, da Dra. Annie Besant, a qual sintetiza esse aspecto que procuramos enfatizar:

Fraternidade Universal É uma Lei na Natureza, Não Uma Aspiração

“Ralph Waldo Emerson ensinou a mesma lição. Em um de seus maravilhosos ensaios, ensinou a grande verdade de que a Natureza apenas se afigura cruel quando a ela nos opomos: ela é seu auxiliar mais forte quando você a ela se une; pois toda Lei que o aniquila quando você a ela se opõe, eleva-o quando você a ela se une. Toda a força que está contra você, enquanto você não acompanha a Lei, estará do seu lado quando você tornar-se uno com ela. (…) A Natureza é conquistada pela obediência; o Divino é encontrado em uma unidade de justiça e de amor.

“Assim, a fraternidade constitui, em sua plena acepção, uma Lei na Natureza. Não se pode deixar de enfatizar suficientemente esse ponto. Constitui o objeto do nosso trabalho que a fraternidade passe a ser algo prático na sociedade, e nunca se tornará prático até que as pessoas compreendam que é uma Lei, não apenas uma aspiração. Quando descobrimos uma Lei na Natureza, não mais lutamos contra ela. Prontamente nos acomodamos no novo conhecimento e nos adaptamos às condições então compreendidas. Contudo, a fraternidade é tão pouco conhecida em nosso mundo.” (A Vida Espiritual, p. 113)

No presente momento está sendo escrito um texto especificamente preparado para essa seção do site. Enquanto esse texto não está concluído, pedimos que os leitores procurem fazer as necessárias analogias ao lerem os capítulos escolhidos da obra Teosofia e Fraternidade Universal, que apresentam uma síntese da Fraternidade Universal como uma Lei e sua importância para o advento de soluções consistentes para os grandes problemas mundiais.

Esses capítulos se encontram, assim como toda a obra da qual fazem parte, no Site Anna Kingsford. A obra, como seu subtítulo claramente indica, está direcionada às questões do desenvolvimento da Sociedade Teosófica; porém ela apresenta muitos dos aspectos essenciais desse tema da Fraternidade Universal como uma Lei, bem como sua importância, difícil de ser exagerada, para a superação dos desafios atuais da humanidade. Seguem os links para os capítulos selecionados, para cuja leitura solicitamos novamente a devida compreensão e paciência quanto ao esforço necessário para buscar as analogias com os problemas mundiais, os quais vão muito além da problemática da organização cujo difícil e importante trabalho a obra procura interpretar e auxiliar:


VI – A FILOSOFIA PERENE E A FRATERNIDADE UNIVERSAL:

A Unidade Essencial de Toda a Humanidade

Princípios Básicos da Filosofia Perene
A Fraternidade Universal à Luz da Filosofia Perene
A Fraternidade Universal e o Bem-estar da Humanidade
A Unidade Subjacente e a Lei da Fraternidade Universal

VII  A FILOSOFIA PERENE E A FRATERNIDADE UNIVERSAL:

A Diversidade de Capacidades Manifestadas

A Constituição Interna do Homem
A Evolução do Eu Superior do Homem
O Corpo Causal: O único Registro Verdadeiro da Evolução
A Diversidade Aplicada à Organização Social
A Importância da Lei da Reencarnação
A Unidade nas Grandes Religiões
A Diversidade nas Grandes Religiões

VIII  A FILOSOFIA PERENE E A FRATERNIDADE UNIVERSAL:

O Atual Nível de Evolução da Humanidade

Pressupostos Falsos Levam a Conclusões Falsas
O Atual Estágio Evolutivo da Humanidade
Apenas Pequena Minoria está Egoicamente Amadurecida
O Papel Determinante e a Responsabilidade das Elites
Outras Citações sobre o Nível Evolutivo da Humanidade
A Evolução do Eu Superior é um Processo Muito Lento

IX – OS PROBLEMAS MUNDIAIS E A FRATERNIDADE UNIVERSAL:

A Necessidade de uma Grande Reforma Intelectual

A Negação da Fraternidade Está na Base dos Problemas
A Negação da Fraternidade e a Necessidade de Reformas
Leis Universais em Contraposição a um Deus Pessoal

X – OS PROBLEMAS MUNDIAIS E A FRATERNIDADE UNIVERSAL:

A Fraternidade como uma Lei e as Ideias Dominantes

A Fraternidade Universal é uma Lei, não uma Aspiração
A Fraternidade é Mal Compreendida Também na ST
A Falta de um Plano Geral Coerente com a Fraternidade
As Correntes de Pensamento Religioso Perderam Terreno
Os Deuses da Época: a Força, a Ganância e o Acaso
As Correntes Hoje Dominantes: Liberalismo e Marxismo

XI – OS PROBLEMAS MUNDIAIS E A FRATERNIDADE UNIVERSAL:

As Premissas e as Instituições Centrais do Liberalismo

A Premissa Fundamental: Todo Homem é Lobo do Homem
A Ordem de Contrapesos (Equilíbrio Mecânico de Forças)
A Democracia Liberal Atual e o Sufrágio de Massa
O Igualitarismo num Padrão de Homem Sempre Egoísta
A Crença no Fim das Ideologias
A Filosofia Perene e a Visão de Homem do Liberalismo
Fraternidade não Significa Igualdade de Capacidades
Sem a Diversidade de Capacidades Não Há Fraternidade
A Importância de um Novo Modelo Organizacional na ST

XII – OS PROBLEMAS MUNDIAIS E A FRATERNIDADE UNIVERSAL:

As Premissas e as Instituições Centrais do Marxismo

Premissa: Consciência é Resultante de Forças Materiais
O Igualitarismo na Visão de Homem do Marxismo
A Filosofia Perene e as Premissas do Marxismo
Um Modelo sem Liberdade, Geralmente de Partido Único

XIII – OS PROBLEMAS MUNDIAIS E A FRATERNIDADE UNIVERSAL:

As Falhas dos Modelos Políticos Atuais

A Importância dos Modelos de Organização do Poder
Crítica dos Modelos Políticos Depende da Fraternidade
As Funções de um Sistema Político
Os Requisitos de um Processo de Escolha Competente
Fracasso do Modelo Liberal: Má Escolha dos Dirigentes
Fracasso do Modelo Liberal: Debilidade Inerente
Fracasso do Modelo Marxista: Falta de Liberdade
Fracasso do Modelo Marxista: Oportunidades Desiguais

XIV – OS PROBLEMAS MUNDIAIS E A FRATERNIDADE UNIVERSAL:

Os Modelos Políticos Atuais e a Geração da Miséria

Os Grandes Problemas Mundiais
A Rota de Colisão da Modernização
A Impotência dos Modelos Atuais frente à Modernização
O Exemplo da Destruição da Floresta Amazônica
Origens do Subdesenvolvimento: Exploração Colonialista
A Importância da Industrialização
As Ilusões da “Livre” Competição Internacional
O Significado de “Dar Certo” Internacionalmente
A Necessidade de um Modelo para o Bem-estar de Todos