APRESENTAÇÃOQUEM SOMOS?CONTATO


APRESENTAÇÃO

Este site “A Filosofia Perene (ou Esotérica)” tem vários outros sites associados, tais como: Anna Kingsford; Ideias para um Mundo Melhor; A Roda e a Cruz; O Evangelho da Interpretação; O Cristianismo Budista; A Fraternidade Universal da Humanidade; A Democracia do Futuro; Humanitarismo. Também estreitamente relacionados a esse site há a Editora e da Fazenda que têm  “Roda e Cruz” (Budismo e Cristianismo) em suas denominações, bem como alguns blogs e várias páginas no Facebook (Sites e Páginas Associados). Todos eles, incluindo os livros e demais atividades associadas, são “odes vivas” à Filosofia Perene, e sua grande Lei da Fraternidade Universal da Humanidade.

O presente site tem como objetivo apresentar a própria Filosofia Perene (ou Esotérica). Isso implica numa dificuldade adicional, quando comparado aos demais sites acima mencionados, porque enquanto nesses outros sites, canais e atividades a mensagem, ou os princípios que procuram ser vivenciados e difundidos são ainda pouco conhecidos e (por isso mesmo) por vezes parecem novos. Já no que diz respeito à própria Filosofia Perene a situação é significativamente diferente. Isso porque, nesse caso, temos que levar em conta a existência de diferentes correntes e escolas de pensamento, as quais procuram apresentar ao mundo aquilo que entendem ser a Filosofia Perene, e da maneira que entendem ser a melhor forma de difundi-la.

Sendo assim, para que não sejamos confundidos com uma ou outra dessas correntes e escolas de pensamento (as quais possuem pontos de vista por vezes bem diferentes entre si, e em alguns casos até com atitudes e conceitos conflitantes), no presente site temos a dificuldade adicional de esclarecer algo das diferenças entre essas diferentes correntes de pensamento e a mensagem e os princípios da Filosofia Perene conforme aqui apresentados.

Por essa razão, é importante esclarecer que nesse site (como na grande maioria dos sites, blogs, páginas e demais atividades associadas) a Filosofia Perene e sua grande Lei da Fraternidade Universal da Humanidade procuram ser transmitidas ao mundo, sobretudo, por meio da divulgação dos ensinamentos (ainda pouco conhecidos) do “Novo” Evangelho da Interpretação,  bem como pela divulgação de assuntos e autores em harmonia com essa mensagem. Essa é a denominação da mensagem filosófico-religiosa legada ao mundo pela Dra. Anna Kingsford e por Edward Maitland, a qual contém o significado esotérico do Cristianismo.

Dentro do imenso trabalho interpretativo das Escrituras cristãs, que é o principal aspecto desse “Novo” Evangelho, encontramos a clara exposição da necessária complementaridade e unidade existente entre o Budismo e o Cristianismo – O Cristianismo Budista (ou Esotérico). E os princípios éticos (o certo e o errado, os direitos e os deveres etc.), assim como as principais instituições sociais derivadas da Lei da Fraternidade Universal (coração da doutrina e da vida do Budismo e do Cristianismo) são as bases da filosofia social denominada de Humanitarismo, e seu novo modelo de organização social denominado de Democracia do Futuro.

A noção da existência da Filosofia Perene pode ser apresentada, muito resumidamente, a partir da conhecida frase de Pierre Teilhard de Chardin: “tudo o que se eleva converge”. Ou seja, se é possível para a consciência humana se “elevar”, penetrar rumo à essência das coisas e alcançar, ou pelo menos se aproximar dessa essência (realidade, verdade etc.), então é uma decorrência lógica, ou seja, é necessário que a consciência humana que assim procede e se “eleva”, também se aproxima, ou converge em relação a todas as demais que assim procedem, porque todas elas encontram, ou pelo menos se aproximam, dessa mesma essência (realidade, verdade etc.).

Desse movimento vivo de “elevação” (aproximação ou convergência rumo à mesma essência) deve advir um conhecimento de princípios ou leis universais que são lógica e necessariamente os mesmos, ou pelo menos muito parecidos. E são exatamente esses os princípios ou leis que (ao serem transmitidos) devem compor um mapa ideacional necessariamente igual (ou muito semelhante), ou seja, uma Filosofia Perene.

Esse panorama geral, esse mapa ideacional, pode e deve se expressar através de diferentes símbolos ao longo dos diferentes momentos e pontos do tempo e do espaço, ou seja, nas diferentes épocas, regiões, povos, línguas e culturas em geral. Desse modo, se o movimento vivo de “elevação” da consciência (que originou um determinado panorama de símbolos etc., de uma dada cultura) foi verdadeira e legitimamente bem sucedido, então quando esses símbolos forem corretamente interpretados eles necessariamente revelarão significados iguais ou muito semelhantes, ou seja, significados que se aproximam ou convergem entre si, constituindo uma verdadeira Filosofia Perene.

Para a corrente de pensamento que é dominante em nossa época, ou seja, para a ciência moderna (ou cientificismo, em seu viés de dogmatismo materialista) essa noção da existência de uma Filosofia Perene pode e deve ser tratada como uma hipótese, a qual, caso verdadeira, pode e deve merecer uma comprovação experimental. Isso pode ser realizado por meio do método comparativo, em relação aos significados dos símbolos das diferentes religiões e filosofias nas diferentes épocas e culturas. Ou seja, se a hipótese da existência de uma Filosofia Perene for verdadeira, dessa investigação comparativa devem emergir princípios e pontos de vista muito semelhantes.

Em palestra recente na sede da Sociedade Teosófica em Londres (Fev-2018), por ocasião do que talvez tenha sido a primeira Conferência sobre a Mensagem da Dra. Anna Kingsford e Edward Maitland, o organizador desse site, apresentou palestra com o ponto de vista de que a partir desse estudo comparativo deve advir o surgimento de uma religião realmente católica e, ao mesmo tempo, em harmonia com o que há de melhor na ciência moderna. E também que essa seria a forma adequada de combater e superar o dogmatismo materialista do sacerdotalismo pseudo científico que hoje domina o mundo. De igual modo, foi apresentada a conclusão que tendo em vista as imensas implicações práticas para o bem estar da humanidade (como o advento de soluções consistentes para seus enormes problemas) essa seria a maior necessidade de nossos tempos.

Segundo nossas melhores luzes, é em sintonia com o que pensamos ser a tradição dos genuínos místicos, sábios ou filósofos de todos os lugares, tempos e culturas, que a Dra. Kingsford e Maitland nos legaram afirmações como as da citação abaixo, e é por meio da divulgação de sua mensagem ao mundo que procuramos veicular a Filosofia Perene e sua grande Lei da Fraternidade Universal:

“A FÉ cristã é a herdeira direta da velha fé romana. Roma foi a herdeira da Grécia, e a Grécia do Egito, de onde se originaram o legado de Moisés e o ritual hebraico.
       O Egito foi apenas o foco de uma luz cuja verdadeira fonte e centro era o Oriente em geral – Ex Oriente Lux. Pois o Oriente, em todos os sentidos, geograficamente, astronomicamente e espiritualmente, é sempre a fonte de luz.
       Mas, embora originalmente derivada do Oriente, a Igreja de nossos dias e de nosso país é modelada diretamente a partir da mitologia greco-romana, e de lá retira todos os seus ritos, doutrinas, cerimônias, sacramentos e festivais.
       Portanto, a exposição que será feita sobre o Cristianismo Esotérico tratará mais especificamente dos mistérios do Ocidente, uma vez que suas ideias e sua terminologia são para nós mais atrativas e próximas do que as concepções não artísticas, a metafísica não familiar, o espiritualismo melancólico e a linguagem pouco sugestiva do Oriente.
       Extraindo sua essência-vital diretamente da fé pagã do velho mundo Ocidental, o Cristianismo mais proximamente se parece com seus pai e mãe imediatos, do que com seus ancestrais remotos, e será, então, melhor exposto com referência a suas fontes da Grécia e de Roma, do que com referência a seus paralelos bramânicos e védicos.
       A Igreja cristã é católica, ou então ela não é nada que mereça, em absoluto, o nome de Igreja. Pois católico significa universal, todo-abarcante: – a fé que sempre e em todos os lugares foi recebida. A prevalecente visão limitada desse termo é errada e prejudicial.
       A Igreja cristã foi inicialmente chamada de católica porque ela abarcava, compreendia e tornou seu o passado religioso de todo o mundo. Reunindo em sua figura central – do Cristo – e em torno dessa figura todas as características, lendas e símbolos até então pertencentes às figuras centrais das dispensações anteriores, proclamando a unidade de toda aspiração humana, e formulando em um grande sistema ecumênico as doutrinas do Oriente e do Ocidente.
       Assim, a Igreja católica é védica, budista, zend-avesta e semítica. Ela é egípcia, hermética, pitagórica e platônica. Ela é escandinava, mexicana e druídica. Ela é grega e romana. Ela é científica, filosófica e espiritual.
       Encontramos em seus ensinamentos o panteísmo do Oriente, e o individualismo do Ocidente. Ela fala a língua e pensa os pensamentos de todos os filhos dos homens; e em seu templo todos os deuses estão em um lugar sagrado.
       Eu sou vedantina, budista, helenista, hermética e cristã, porque eu sou católica. Pois nessa única palavra todo o Passado, Presente e Futuro estão abarcados.
    Como Santo Agostinho e outros dos Padres (Pais) da Igreja verdadeiramente declararam, o Cristianismo não contém nada de novo a não ser o seu nome, estando próximo dos antigos desde o seu início. E as várias seitas, que retém apenas uma porção da doutrina católica, são apenas como cópias incompletas de um livro, do qual capítulos inteiros foram retirados, ou como representações de uma peça teatral na qual apenas alguns de seus personagens e de suas cenas foram mantidos.”  [Anna Kingsford e Edward Maitland. The Credo of Christendom: and Other Addresses and Essays on Esoteric Christianity (O Credo do Cristianismo: e Outras Palestras e Ensaios sobre o Cristianismo Esotérico). pp. 94-95].

É importante deixar claro, repetindo, que  a Filosofia Perene e sua grande Lei da Fraternidade Universal também podem ser transmitidas ao mundo através de outras tradições religiosas e filosóficas, e mesmo através da ciência moderna e das artes. Esse espírito realmente fraterno – que é ao mesmo tempo católico (universal) e científico – sendo algo necessário para uma difusão de princípios Metafísicos e Éticos de uma forma coerente e harmônica com a própria existência da Filosofia Perene (ou Esotérica) e sua grande Lei da Fraternidade Universal da Humanidade.

Todo o conteúdo do site está organizado dentro de Seções que tratam dos vários aspectos do atual trabalho de difusão da Filosofia Perene através do canal filosófico-religioso do “Novo” Evangelho da Interpretação,  o qual está diretamente relacionado e, portanto, mais adaptado à cultura do Ocidente. Mas é importante destacar que esse exemplo de adaptação à cultura do Ocidente pode e deve, de forma análoga, ser aplicado às demais culturas e regiões, facilitando assim a comunicação dos princípios e leis da Filosofia Perene no âmbito dessas diferentes culturas e regiões.

Ao lado dessa organização geral, também temos páginas com listas dos Autores e das Obras (com referências bibliográficas completas). Essas listas visam auxiliar nas buscas, bastando utilizar os seus links, ou então usar o nome do autor, ou da obra, dentro do mecanismo de busca geral no site, no alto à direita da página de início. Esse buscador geral, é claro, também serve para qualquer outra pesquisa que possa surgir dentro do acervo geral do site.

Além dessa apresentação, da estrutura de organização e dos mecanismos de busca, o site apresenta um conjunto de Citações Fundamentais, que visa dar aos visitantes uma visão geral e sintética das grandes ideias que estruturam qualitativamente o seu conteúdo.

Na continuidade dos trabalhos, as seções que compõem o site também serão, na medida do possível, apoiadas por outros sites e páginas nas redes sociais, comentários em canais de vídeo, textos em blogs, palestras, vídeo documentários e livros.


QUEM SOMOS?

Direção-Geral
– Arnaldo Sisson Filho

Colaboradores
– Luis Antonio de Souza

Webmaster
– Luis Henrique de Souza

Designer
– Paulo Brumana

Tradução
– Arnaldo Sisson Filho

Agradecimento aos Colaboradores Anônimos
– Nosso reconhecimento e agradecimento aos colaboradores anônimos, cujo auxílio tem sido importante para o desenvolvimento desse site.


CONTATO

Prezado Leitor,

Para contatar com o Administrador do site A Filosofia Perene (ou Esotérica), envie sua mensagem para o endereço que aparece abaixo. Suas sugestões, contribuições, dúvidas e críticas são muito bem-vindas e faremos o possível para responder todas as mensagens recebidas.

Envie sua mensagem para:

asisson@terra.com.br